Chrome e Firefox assinalam sites HTTP como inseguros

Hoje em dia a segurança é um dos factores mais importantes a ter em conta quando se navega na Internet, principalmente para quem recorre à internet para fazer compras online, e por isso mesmo o Crome e Firefox começam a alertar os utilizadores para os riscos de enviar informação sensível em páginas sem HTTPS.

O risco de aceder a uma página web sem HTTPS pode limitar-se à injecção de conteúdo malicioso ou alteração do conteúdo original da página, mas quando se trata de uma página que pede informação ao utilizador o caso torna-se muito mais grave.

Com o lançamento da versão 56 do Google Chrome e da versão 51 do Firefox, os sites HTTP começaram a ser marcados como “Não Seguros” sempre que nos mesmos seja solicitada informação pessoal, como senhas ou cartões de crédito.

Se o acesso ao seu site ainda é feito via HTTP (exemplo: http://www.seusite.pt), nas páginas onde requer que os utilizadores insiram informação pessoal, os utilizadores começam a ver sua página como insegura.

Se vê este aviso no seu site, pode removê-lo implementando um certificado SSL. Mesmo que não veja nenhum aviso, devido a não possuir uma página de autenticação, deve começar a pensar em implementar HTTPS pois no futuro todas as páginas que não utilizarem este protocolo serão marcadas como “inseguras”, independentemente de terem ou não campos para recolher palavras-passe ou números de cartões de crédito.

Se ainda não tem um certificado SSL no seu site, este é o momento ideal para pensar nisso. A IDWEB tem um conjunto de certificados SSL para cada situação. Podemos ajudá-lo em todo o processo de implementação de um certificado no seu site.

Na IDWEB pode adicionar um certificado SSL sem adquirir um IP dedicado.